Sábado, Janeiro 28, 2023
Publicite Aquí
InícioSociedadeCamponeses matam jacaré que tentava atacar mulher

Camponeses matam jacaré que tentava atacar mulher

Camponeses da aldeia de Camuxito, comuna do Cuanza, município de Camacupa, na província do Bié, mataram, domingo, um jacaré, que tentava atacar uma mulher, nas margens do rio Calucha.

Tudo aconteceu quando Maria António, que tirava água do rio para regar as plantações, deparou-se com o réptil, que por pouco o devorava, não fosse a pronta intervenção de alguns camponeses, que o mataram com enxadas. Maria António conta que logo que viu o animal pediu socorro. Sublinhou ser a primeira vez que se depara com um jacaré nas proximidades das hortas, embora tenha conhecimento da sua existência no rio Calucha. 
De recordar que, na semana finda, no mesmo município, mas na comuna da Muinha, um jovem de 19 anos foi devorado por um jacaré, no rio Cunje. O malogrado, de nome Luciano Mbelengue, acabava de entrar no rio para pescar, tendo surgido o réptil que o devorou. Na altura, o administrador adjunto de Camacupa para a área Técnica, Albino Mulanda, apelou à população no sentido de evitar mergulhar ou pescar nos referidos rios, por serem zonas perigosas, onde há presença constante de jacarés. 
Em Fevereiro do ano em curso, um menor de 13 anos sobreviveu a um ataque de jacaré, no município do Cuito. Só não aconteceu o pior porque o menor se socorreu a um arbusto, para escapar do jacaré, que ainda assim o deixou com ferimentos graves na região abdominal e no membro inferior esquerdo. 
Em 2018, um caso igual envolveu um agente do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros (SPCB) no Bié, que também sobreviveu a um ataque de jacaré, quando estava a resgatar um cadáver no rio Cutato, no município do Chinguar. 

Fonte:JA

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Recent Comments