Domingo, Janeiro 29, 2023
Publicite Aquí
InícioSociedadeEspecialistas em debate sobre a dislexia

Especialistas em debate sobre a dislexia

Especialistas angolanos, brasileiros e portugueses participam, hoje, a partir das 14 horas, num webinar sobre “A dislexia na Primeira Infância: manifestações e intervenção do Educador na integração escolar”, numa iniciativa do Gabinete da Primeira-Dama da República, em parceria com a Faculdade de Serviço Social (da Universidade de Luanda), Escola Superior de Educação Paula Frassinetti (Portugal) e o apoio do Gabinete de Quadros da Presidência da República.

Este segundo webinar abordará temas como “A intervenção educativa em dislexia: modelos praticados em Portugal e no Brasil”, “Avaliação e intervenção precoce em crianças de risco para transtornos específicos de aprendizagem”, “As perturbações específicas da aprendizagem na terapia da fala em Angola” e “Dislexia na 1ª Infância: desafios no contexto angolano”, entre outros.

O evento destina-se a todas as pessoas que intervêm directa ou indirectamente na inclusão das crianças e jovens com necessidades educativas especiais, nomeadamente, educadores da primeira infância, psicólogos, sociólogos, educadores sociais, professores universitários, investigadores, instituições públicas e privadas, bem como ONG´s.

Considerada uma perturbação da aprendizagem, a dislexia é caracterizada pela dificuldade de leitura. Os especialistas apontam que os disléxicos têm limitações significativas na participação escolar e apresentam como principais sintomas a dificuldade em pronunciar correctamente as palavras, ler rapidamente, escrever palavras à mão, bem como compreender aquilo que se está a ler.

O primeiro webinar realizou-se  em Maio e teve como tema “O papel do Educador da 1ª Infância na identificação de necessidades educativas especiais do espectro do autismo: sinais e alertas”.
O terceiro webinar intitulado “A sobredotação em crianças e jovens: como identificar e integrar”, terá lugar no mês de Julho. 

Com a realização dos três webinars pretende-se promover a recolha dos termos de referência para a edição de 2021 do Ciclo de Conferências “Educar para a Cidadania”. 

Os webinars permitirão, de igual modo, produzir conhecimento teórico e prático sobre o papel dos profissionais de educação especial na 1ª Infância no contexto da realidade angolana e lançar as bases para a implementação de estratégias pedagógicas diferenciadas na formação de profissionais qualificados e habilitados para intervir ao nível das necessidades educativas especiais.

Têm ainda como objectivo dar a conhecer aos decisores políticos as necessidades particulares das crianças que tenham dislexia, alertando, assim, para a necessidade de se delinear políticas públicas educativas e familiares de apoio à educação inclusiva em Angola. Cada webinar está focado nos temas-chave da Conferência deste ano, nomeadamente, intervenção ao nível do autismo, dislexia e sobredotação.

Os interessados podem encontrar mais informações sobre os webinars “Por uma Escola Inclusiva: intervenção ao nível do autismo, dislexia e sobredotação” no website: www.educarparacidadania.ao

Fonte:JA

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Recent Comments