Sábado, Janeiro 28, 2023
Publicite Aquí
InícioDesportoMonastir dá espectáculo e garante presença

Monastir dá espectáculo e garante presença

Num jogo onde o árbitro internacional António Bernardo entrou em acção, o Monastir da Tunísia foi mais feliz ao alcançar a meia-final, mercê da vitória sobre o AS Douanes do Senegal, por 86-62, nos quartos-de-final.

Os tunisinos, tidos como favoritos à conquista da prova,  dominaram os quatro períodos, numa clara demonstração da sua força. À equipa, encabeçada pela magia do base Ben Rondhame, deu espectáculo numa exibição de luxo.
O conjunto orientado por Mounir Slimen entrou para o jogo disposto a impor a sua superioridade, ao apresentar-se muito rápida no contra-ataque e com jogadas ensaiadas.

Fruto desta postura, acabou por ser com naturalidade que o Monastir venceu o primeiro quarto, por 19-16. No segundo, os pupilos de Monir Slimen abrandaram o jogo ofensivo, permitindo que o Douanes se  aproximasse no resultado.

O timoneiro do Monastir solicitou um desconto de tempo,  trabalhou a equipa e fruto desta mudança de estratégia, foi ao intervalo a vencer, por 48-34.As duas formações voltaram do balneário com o intuito de arrumar as contas do jogo.
Foram os tunisinos que continuaram a mandar na partida, tendo o técnico do Douanes, por várias vezes, conversado com os seus pupilos, no sentido de manter os ajustamentos defensivos, para impedir que o adversário marcasse muitos pontos.

A dois minutos do fim do terceiro quarto, o Monastir já levava uma diferença de  17 pontos, sob o olhar atento do técnico Mamadou Gueye. A equipa tunisina venceu o terceiro quarto, por 66-47.
No período de decisões, o Douanes correu atrás do prejuízo e quase conseguiu encostar, mas rapidamente o técnico Monir Slimen pediu um desconto de tempo, conversou com os pupilos e evitou a aproximação do adversário.
A equipa passou a defender melhor e o jogo ofensivo funcionava com triplos e jogadas de dois pontos. Os  tunisinos fugiam no placard, deixando o adversário sem soluções ofensivas para “furar” a defensiva do Monastir, que acabou por vencer e carimbar o passe para as  meias-finais.

O Patriots do Rwanda bateu o Ferroviário de Maputo, por 73-71, numa partida pautada pelo equilíbrio, com os donos da casa a sairem vencedores ao intervalo, por 43-39, números que espelham a disputa renhida durante a contenda.
Com o triunfo, a equipa rwuandesa qualificou-se para as meias- finais, onde vai defrontar o Monastir da Tunísia. 

Fonte:JA

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Recent Comments