Quarta-feira, Novembro 29, 2023
Publicite Aquí
InícioEntrevista“O que se faz em Cabinda é definir o que é prioritário”

“O que se faz em Cabinda é definir o que é prioritário”

Marcos Alexandre Nhunga é o governador da província de Cabinda, é engenheiro agrónomo de formação.

Já trabalhou em várias províncias do país e foi director nacional do Instituto de Desenvolvimento Agrário, do Ministério da Agricultura, antes de ser ministro da pasta. É com esta experiência de terreno que este homem do Maiombe, que nasceu no hospital Alzira da Fonseca, em Buco-Zau, quer dar um novo rosto ao enclave, apostando na produção agrícola, sobretudo de proteína animal. O mar é, para si, o caminho mais curto e mais seguro para o desenvolvimento de Cabinda e para uma maior interacção com o resto do país

Cabinda, a cidade, diz-se com frequência , está a melhorar. Tem mais asseio, mais saneamento, mais iluminação pública. Isto significa que há mais dinheiro, mais vontade na governação, ou maior interacção entre quem governa e os habitantes da cidade?

Vou ser directo, não temos mais dinheiro que nenhuma outra província, até porque, em número de projectos, a província de Cabinda tem menos do que outras várias províncias. Se calhar, do que qualquer outra, não obstante estarmos satisfeitos com os projectos que temos…

E então?

Olhe, isto se deve à definição correcta, do meu ponto de vista, do que é prioritário para as populações, o que impacta na vida das pessoas. Foi o que fizemos, tendo em conta que o município sede da província alberga mais de oitenta por cento da população da província. Obviamente, é na sede que se concentram os maiores problemas. Estes grandes problemas têm a ver com a energia, pelas vantagens que traz para a iluminação, para actividade económica e para a segurança; a água, que está em primeiro lugar e para este serviço precisamos de energia, e, depois, o saneamento básico, muito importante para a saúde das pessoas, ou podemos ter uma população doente. De maneira que conjugamos estes aspectos.

Leia mais em OPaís

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Recent Comments